Take a fresh look at your lifestyle.

Segundo filho é mais arteiro do que o primeiro, aponta estudo

Você é o irmão mais novo ou o mais velho? Ou até mesmo o do meio? Você consegue se lembrar quem de vocês era o mais custoso quando eram crianças?

Toda mãe e pai ama seus filhos igualmente, mas eles sempre admitem quem tem um que deu mais trabalho que o normal. Na maioria das vezes essas crianças são chamadas de rebeldes.

Na prática é difícil dizer qual deles dá mais trabalho. Isso inclui um monte de variáveis, principalmente de criação e personalidade. Mas alguns cientistas tem um palpite de qual dos filhos é o mais arteiro.

Segundo filho é o mais arteiro

Segundo filho é mais arteiro do que o primeiro, aponta estudo

Sanni Breining, Joseph Doyle, David N. Figlio, Krzysztof Karbownik e Jeffrey Roth realizaram a pesquisa chamada Birth Order and Delinquency, em 2017, com dois milhões de crianças americanas e dinamarquesas.

O objetivo era descobrir se a ordem de nascimento tem alguma influência no comportamento do jovem, como problemas disciplinares ou delinquência juvenil.  A resposta foi que o segundo filho é o mais custoso.

O resultado foi que nas segundas filhas mulheres, quase não existem vestígios de rebeldia. Já o filho mais novo do sexo masculino exibi mais revolta do que o irmão mais velho na maioria dos casos.

Não existem evidências de que o segundo filho é menos saudável do que o mais velho e nem que os país invistam menos na educação e criação dele.

Tempo

Segundo filho é mais arteiro do que o primeiro, aponta estudo

Uma das conclusões, é que o tempo do primeiro para o segundo filho pode influenciar na forma como os pais tratam as crianças, influenciando no comportamento rebelde delas. Isso está no fato de talvez os pais não terem mais tanto tempo para passar junto ao filho mais novo.

“Consideramos as diferenças na atenção dos pais como um fator potencial de contribuição para as lacunas na delinquência”, disseram os autores do estudo.

COMENTÁRIOS
Carregando...

Send this to a friend