Take a fresh look at your lifestyle.

8 sinais de que você está se tornando deprimido

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que 350 milhões de pessoas em todo o mundo sofram de depressão.

Depressão pode parecer debilitante e sufocante, mas se você conhecer seus sinais, pode tomar medidas para preveni-la, ou pelo menos tratar os sintomas.

Aqui estão 8 sinais de que você está se tornando deprimido:

8 sinais de que você está se tornando deprimido 1

1. Você perdeu o interesse nas atividades que costumava gostar

Muitas pessoas com depressão não têm interesse em fazer muita coisa, e apenas sair da cama pode parecer uma tarefa insuperável, na maioria dos dias. Elas tentam envolver-se em coisas que uma vez gostaram, mas não acham mais essas atividades prazerosas. Por exemplo, se você já amou dançar, mas apenas o pensamento de se levantar e se mover parece tortura, pode estar deprimido.

Se você achar que perdeu o interesse em quase tudo, incluindo amizades, passeios sociais, exercício, comida e relações, considere o uso de afirmações positivas, meditação, yoga e remédios naturais para ajudá-lo a recuperar o controle de sua saúde mental.

2. Você perdeu o apetite ou come em excesso

Outro sintoma comum da depressão é ou comer demais, ou perder completamente o interesse em alimentos. Gary Kennedy, diretor de psiquiatria geriátrica do Centro Médico Montefiore em Bronx, Nova York, diz: “Uma mudança súbita de peso, para mais ou para menos, pode ser um aviso de depressão, especialmente em alguém que tem outros sintomas da doença ou um histórico de depressão “.

Ambos os cenários podem levar a complicações graves, por isso, se você perceber que não tem apetite, ou come demais para apaziguar suas emoções, pode estar deprimido.

3. Você desenvolveu insônia

De acordo com o WebMD, 80% dos adultos com depressão têm dificuldade em adormecer ou permanecer dormindo. Pacientes com insônia crônica têm chance tripla de desenvolver depressão, em comparação com aqueles que não sofrem de insônia. Muitos médicos acreditam que, tratando a insônia, a maioria dos pacientes veria uma drástica redução nos seus sintomas de depressão.

Poucas noites sem dormir não são sinal de depressão, mas se a sua insônia dura semanas ou meses, é melhor procurar ajuda.

Se você achar que tem problemas para dormir a maioria das noites, e notou isso acontecendo consistentemente durante um longo período de tempo, você pode sofrer de depressão.

4. Você se sente cansado o tempo todo

Um dos maiores sinais de alerta da depressão é a falta de energia, que resulta da incapacidade de ter um sono noturno, ou de sentimentos constantes de desesperança e desespero que atormentam a mente. Ambos podem causar exaustão grave, o que torna difícil para aqueles com depressão saírem da cama na maioria dos dias.

No entanto, você pode combater esses sentimentos com uma dieta saudável, muita ingestão de água, exercícios e socialização, mesmo que não sinta vontade. Além disso, certifique-se de não programar muita coisa em apenas um dia, para que você não se sinta oprimido.

5. Você se isola constantemente

Muitas pessoas com depressão não sentem tanta vontade de estar perto de amigos e família. Na verdade, socializar com alguém pode parecer quase doloroso, porque o paciente se sente como se não pudesse se conectar com mais ninguém. No entanto, isolar-se só piora a depressão, por isso tente sair com um pequeno grupo de amigos com bastante regularidade e diga-lhe como você está se sentindo.

Acima de tudo, não se sinta envergonhado por estar deprimido. Muitas pessoas passam por isso de vez em quando em suas vidas, e mesmo que você sofre de depressão crônica, tem opções para o tratamento.

Estar sozinho com seus pensamentos o tempo todo só irá perpetuar a doença, por isso tente socializar mesmo que se pareça desconfortável. Os seres humanos são criaturas sociais, e não podem sobreviver sem algum tipo de interação, então não se prive dessas experiências.

Você também deve considerar juntar um grupo de apoio para a depressão, pois falar sobre isso pode ajudá-lo a descobrir novos padrões de pensamento e formas de lidar com a doença.

6.Você tem dificuldade em focar e ouvir outros

A depressão pode fazer você sentir que existe uma neblina constante inundando seu cérebro, tornando difícil se concentrar ou lembrar de fatos e eventos importantes. Você também pode encontrar-se tendo problemas para formular respostas.

“Pesquisas sugerem que a velocidade de processamento – a capacidade de receber informações de forma rápida e eficiente – é prejudicada em indivíduos deprimidos”, disse Natascha Santos, PsyD, psicóloga e terapeuta comportamental em Great Neck, N.Y.

Sem tratamento adequado, graves deficiências cognitivas podem ocorrer ao longo do tempo.

Meditação e técnicas de relaxamento podem ajudar muito com a clareza mental e foco, por isso certifique-se de dar-se tempo cada dia para o autocuidado e treinamento mindfulness.

7. Você se sente triste, sem esperança e sem valor

Todo mundo sente essas emoções de vez em quando, mas aqueles que estão deprimidos as sentem muito mais frequentemente. Pessoas com depressão podem ser sugadas para um vórtice de negatividade, e encontrar saída pode parecer impossível. Conseguir um controle sobre esses sentimentos não é fácil, mas você pode mudar para uma mentalidade mais positiva com afirmações adequadas, relaxamento e meditação mindfulness.

Além disso, não hesite em falar sobre seus sentimentos com os entes queridos. Eles podem apoiá-lo através de momentos difíceis, e oferecer conselhos quando você mais precisar.

8. Você tem dores de cabeça regulares e problemas digestivos

De acordo com a everyday health, 40% das pessoas com enxaquecas também sofrem de depressão. Muitas pessoas não ligam os pontos, mas em muitos casos, as duas condições andam de mãos dadas.

“Enxaqueca e depressão têm bases comuns no cérebro, que podem se desenvolver devido a fatores ambientais, causas genéticas, ou uma combinação de ambos.” Dr. Lipton, professor e vice-presidente de neurologia e professor de epidemiologia e saúde da população na Faculdade de Medicina Albert Einstein, diz. “Enxaqueca e depressão também estão ligadas porque ambas as condições respondem a alguns dos mesmos medicamentos.”

Além disso, seu cérebro e estômago estão muito conectados, ligados por algo chamado nervo vago. Este nervo envia sinais de seu estômago para o seu cérebro, o que pode afetar a fome e apetite.

Suas emoções têm um profundo efeito sobre a sua saúde digestiva. Por exemplo, você já notou que quando se sente ansioso, seu estômago parece cheio de nós, e você pode ter uma dor de estômago?

Isso mostra claramente que nossas emoções têm um poderoso efeito sobre a nossa saúde mental, e acalmando nossas mentes e recuperando a clareza mental, podemos controlar que tipo de sinais nosso estômago envia para o nosso cérebro.

COMENTÁRIOS
Carregando...

Send this to a friend