Prédio na Austrália mostra rosto em sua fachada dependendo de onde você olha

Localizando em Melbourne, na Austrália, este prédio, construído no canto sul do antigo United Carlton e Brewery, em Swanston Street, é um bloco residencial comum de 32 andares.

No entanto, quando observado a certa distância e de determinado ponto, ele mostra uma conquista arquitetônica surpreendente. Utilizando sombras criadas por espaços esculpidos nas varandas, o arquiteto Ashton Raggatt McDougall (ARMArchitecture) criou um retrato de William Barak (1824-1903), um influente ativista social para questões aborígenes e uma importante figura para o povo Wurundjeri.

Prédio na Austrália mostra rosto em sua fachada dependendo de onde você olha

Em entrevista ao Daily Telegraph, os desenvolvedores do projeto revelaram suas ambições para o prédio. Segundo Carolyn Viney o prédio foi “projetado para aumentar a visibilidade do povo e da cultura Wurundjeri”. “A ideia decorreu do nosso desejo de fazer algo muito significativo no contexto da localização do projeto, em frente ao Shrine of Remembrance. [Santuário da Lembrança]”.

Prédio na Austrália mostra rosto em sua fachada dependendo de onde você olha

Para produzir o rosto, a equipe da ARM Architecture tirou uma fotografia do rosto de Barak e converteu-a digitalmente em escalas de cinza e faixas horizontais em preto e branco, de diferentes espessuras verticais. Então, transformaram a imagem e painéis moldados em 3D para aplicá-los em balaustradas. Dessa forma, quando vistos de uma determinada perspectiva, os painéis formam um padrão a qual o olho humano interpreta um tosto. Uma visão mais clara da feição pode ser observada do Santuário, localizado a 2,8 km de distância do prédio.

Prédio na Austrália mostra rosto em sua fachada dependendo de onde você olha

Na base dele, o estacionamento é confrontado com uma grade de vigas circulares, algumas das quais preenchidas com discos de alumínio que formam a frase: “Wurundjeri, eu sou quem eu sou” em Braille. Já as fachadas norte e oeste do prédio são sobrepostas em uma arte colorida, que representa a vida e corpos dentro da torre, que conta com cerca de 530 apartamentos. O prédio foi inaugurado no dia 5 de março de 2015, e levou sete anos para ser concluído.

COMENTÁRIOS
Carregando...