Take a fresh look at your lifestyle.

Como fazer óleo natural para proteger a área íntima

Muitas mulheres têm uma grande variedade de produtos para a higiene e para o cuidado do corpo e, no entanto, costumam se esquecer de uma das partes mais importantes até notarem algum problema: a área íntima.

Neste artigo ensinaremos a preparar um óleo natural e vegetal que permite cuidar e proteger esta área de modo suave e ecológico, para prevenir mal-estares como coceiras, secura, irritação ou infecções.

Aprenda cuidar de sua área íntima

Como fazer óleo natural para proteger a área íntima

Existem algumas questões que devemos saber para aprender a cuidar da zona íntima de modo adequado, para prevenir incômodos e potencializar suas defesas naturais:

  • Nunca use um sabonete corporal na zona íntima, já que é uma parte do corpo muito delicada, com uma flora bacteriana que pode se alterar se aplicarmos os sabonetes convencionais para o corpo.

Use um sabonete específico e somente na parte mais externa e, para a parte mais interna use somente água.

  • Use preferentemente roupas íntimas de algodão ou outros materiais naturais.
  • Escolha absorventes adequados. Uma excelente alternativa é o copo coletor menstrual, os protetores diários e absorventes de pano.
  • Prevenir e combater a prisão de ventre também é fundamental para uma boa saúde vaginal, já que são duas partes do corpo conectadas que se alteram com facilidade.
  • As pessoas que sofrem desequilíbrios na área íntima de modo recorrente como, por exemplo, infecções ou inflamações, devem saber que problemas como o estresse e as questões emocionais, principalmente dos relacionamentos amorosos, também influenciam.

Um óleo específico

Como fazer óleo natural para proteger a área íntima

Uma excelente maneira de cuidar da zona íntima consiste em aplicar um óleo com propriedades hidratantes, lubrificantes, calmantes, antissépticas e anti-inflamatórias.

Deste modo estaremos potencializando as defesas naturais sem alterar a flora bacteriana. Além disso, mesmo que não seja um sabonete, também ajuda a manter a zona limpa e a neutralizar possíveis cheiros. 

Precisaremos de uma base de óleo vegetal que possa nutrir a pele sem deixá-la muito oleosa. A esta base adicionaremos algumas gotas de óleos essenciais específicos para conseguir as propriedades que mencionamos acima.

Como prepará-lo?

Como fazer óleo natural para proteger a área íntima

Ingredientes

  • 2 colheres de óleo de jojoba (20 ml)
  • 2 colheres de óleo de calêndula (20 ml)
  • 15 gotas de óleo essencial de camomila
  • 10 gotas de óleo essencial de lavanda
  • 10 gotas de óleo essencial de árvore do chá

Modo de preparo

Misture todos os óleos, que devem ser de máxima qualidade, e conserve-os em um pote de cristal que tenha um modo de aplicação simples.

Óleo de jojoba

Este óleo é muito nutritivo e, no entanto, é absorvido com muita facilidade, já que sua textura é muito similar à do sebo natural da pele.

Tem propriedades protetoras e suavizantes, dá elasticidade e firmeza a pele e protege dos radicais livresTem a grande vantagem de que não estraga com a luz ou calor, graças a sua alta porcentagem de ceramidas.

Óleo de calêndula

O óleo de calêndula não pode faltar em nosso armário de medicamentos, já que é um dos melhores remédios para reduzir irritações. É ideal para peles e zonas sensíveis, já que além de ser hidratante, é um anti-inflamatório muito efetivo.

Óleo essencial de camomila

A principal vantagem deste óleo é que é hipoalergênico, por isso evitamos o risco de reações alérgicas que outros produtos podem causar, especialmente por ser uma zona tão delicada. Tem propriedades anti-inflamatórias, hidratantes, antioxidantes e cicatrizantes.

Óleo essencial de lavanda

Além de dar a nosso óleo um delicioso e delicado aroma, a lavanda tem propriedades calmantes, antissépticas, anti-inflamatórias, analgésicas e regeneradoras. Além disso, potencializa as propriedades do resto dos óleos desta preparação.

Óleo essencial de árvore do chá

Este óleo essencial é muito conhecido por seus potentes benefícios antibacterianos, antimicóticos e cicatrizantes, por isso é excelente para prevenir as infecções. Use em pequenas quantidades já que, do contrário, pode ser irritante.

Como e quando usar o óleo?

Como preventivo e para manter uma área íntima saudável podemos usar este óleo uma vez por dia.

Caso queira tratar um transtorno específico (infecção, inflamação, secura, coceira, etc.) podemos aplicá-lo uma vez pela manhã e outra antes de dormir, além de consultar um médico.

Aplique o óleo sempre com uma suave massagem por toda a área.

Comentários
Loading...