Engenheiros que prestam serviço à Vale são presos

Os cinco engenheiros são suspeitos de envolvimento em tragédia de Brumadinho, e forma presos na manhã desta terça-feira (29).

Polícia investiga se documentos que permitiram as operações na Barragem 1 Mina do Feijão, em Brumadinho (MG), foram, de alguma maneira, fraudados.

Em uma operação, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), o Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF, que cumprem sete mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária, que têm como objetivo apurar responsabilidade criminal pelo rompimento da barragem, prendeu cinco pessoas na manhã desta terça-feira (29).

Três engenheiros funcionários da Vale, e dois engenheiros que trabalhavam para empresas terceirizadas prestando serviço à Vale, foram presos, dois deles mora em São Paulo e os demais residem na região metropolitana de Belo Horizonte.

A prisão foi decretada por 30 dias, e serão ouvidos pelo Ministério Público, documentos e possíveis provas apreendidas com eles serão encaminhadas para analise e farão parte do processo.

Procuradores da República lotados em Minas Gerais e São Paulo, de policiais federais e de peritos das áreas de informática, mineração e geologia, participaram das diligências.

“Os órgãos de investigação têm trabalhado de forma concatenada para apuração dos graves crimes relacionados com o rompimento da barragem, sendo que as investigações se encontram em andamento”, informou o MPMG.

Vale

Em nota enviada à imprensa na manhã desta terça-feira, a empresa diz que está contribuindo com as investigações, sem citar nominalmente a operação policial que ocorre em São Paulo atendendo a pedido da Justiça de Minas Gerais.

“Referente aos mandados cumpridos nesta manhã, a Vale informa que está colaborando plenamente com as autoridades. A Vale permanecerá contribuindo com as investigações para a apuração dos fatos, juntamente com o apoio incondicional às famílias atingidas”, diz, em nota a companhia.

Engenheiros que prestam serviço à Vale são presos
Engenheiros que prestam serviço à Vale são presos
COMENTÁRIOS
Carregando...