Cinco atitudes que acabam com a libido nos relacionamentos

Você já se perguntou o que levou o relacionamento a esfriar debaixo dos lençóis? A reclamação comum entre os casais costuma ter raízes em pequenas atitudes que vão se acumulando no dia a dia, e que são verdadeiros venenos para a libido. Descubra as cinco mais frequentes e risque já.

CIÚME EXAGERADO

Ter um pouco de ciúme do par é muito comum e até saudável, mas quando ele se torna grande a ponto de gerar discussões desnecessárias é preciso reavaliar e pisar no freio.

NÃO TEM COMO TER PAZ E SOSSEGO DENTRO DO RELACIONAMENTO SE O CIÚME PREVALECE.

Isso desgasta muito, pois o casal acaba brigando por coisas insignificantes que geralmente estão somente na mente da pessoa.

Os dois se afastam ao invés de desfrutar bons momentos de intimidade”, explica a coach de relacionamento e especialista em sexualidade CÁTIA DAMASCENO, criadora do programa Mulheres Bem Resolvidas.

TRABALHO EM EXCESSO

Cinco atitudes que acabam com a libido nos relacionamentos

RESERVE A CAMA PARA A INTIMIDADE E DESCANSO. 

Você costuma levar muito trabalho para casa ou não “desligar” depois que sai do escritório? Acredite, esse hábito não só prejudica a sua saúde e bem estar, como também o seu romance. “Trabalho em excesso é um erro grave que faz perder totalmente a libido. O quarto e a cama são lugares sagrados e com pessoas que não desligam eles geralmente viram escritório. NÃO TEM QUE TER NOTEBOOK, CELULAR, LIVRO OU MESMO BRINQUEDOS DAS CRIANÇAS. Veja como um lugar de intimidade”, indica.

DESCUIDO COM A AUTOESTIMA

Se arrumar e tirar um tempinho para cuidar da aparência pode fazer muito pela autoestima, e quando você se sente bem o relacionamento só tem a ganhar: “O casal precisa se arrumar como fazia na época de namorados. Eu costumo dizer se a roupa que você está vestido não serve para ir à padaria, não serve também para ficar em casa com sua esposa ou marido. É BOM SE CUIDAR E FICAR INTERESSANTE”.

PREGUIÇA ÍNTIMA

Cinco atitudes que acabam com a libido nos relacionamentos

PREGUIÇA SEXUAL PRECISA SER COMBATIDA, E O BEIJO É UMA ÓTIMA ARMA.

A preguiça, quando vira uma constante, é outra grande inimiga da vida a dois, e vale a pena lutar contra ela. “Nada pior do que a preguiça sexual, e para enfrentar esse mal eu indico beijar na boca. Dê um beijo de língua de dois, três minutos que coloca vocês no clima. O BEIJO É O TERMÔMETRO DA RELAÇÃO, enquanto ele existe está ótimo, mas se acabar e virar só selinho já é um indício de que esse relacionamento não está indo muito bem”, revela

FALTA DE PRELIMINARES

Nada mais normal do que acabar pulando as preliminares caprichadas e ir logo para hora “H” de vez em quando, mas muito cuidado para que isso não se torne um hábito, afinal, ela é o tempero do bom sexo: “PARA TER UMA RELAÇÃO SEXUAL SATISFATÓRIA É NECESSÁRIO DAR IMPORTÂNCIA PARA O ESTÍMULO antes do ato. Preliminar não precisa ser dois ou três minutinhos, tem que investir muito e não ter pressa.

Lembrando que ela não é somente o contato físico, pode começar com mensagens eróticas durante o trabalho, por exemplo. Quando vocês não dedicam tempo a se tocarem e trabalhar essa sensualidade, o sexo fica menos prazeroso e isso pode levar os dois a perderem um pouco o interesse em manter relações”.

COMENTÁRIOS
Carregando...

You're currently offline