Take a fresh look at your lifestyle.

A verdade por trás do cachorro preso dentro de uma árvore por 50 anos que impactou o mundo

Todos os dias vemos fotos de lugares ou situações que nos impressionam por serem incomuns, desta vez vamos mostrar uma imagem que repercutindo em todo o mundo e o protagonista é um cachorrinho que teve um fim trágico, sua expressão é aterrorizante.

Este filhote foi encontrado por alguns lenhadores que decidiram tirar uma foto, que foi compartilhada em alguns portais da Internet e que assustou alguns internautas, o animal havia ficado preso dentro de uma árvore na Geórgia e, de acordo com alguns meios, o filhote morreu dentro da árvore sem poder se libertar e seu desespero o deixou louco, é por isso que ele tem essa expressão.

Na expressão do animal você pode ver a raiva, já que estava em uma posição muito desconfortável, quando o encontraram, o animal havia ficado mumificado na mesma posição que ele tinha morrido e de acordo com as pessoas que o encontraram, isso aconteceu porque o cachorro estava perseguindo um guaxinim.

Após a descoberta, as autoridades decidiram doar a árvore para o museu de árvores em Waycross, na Geórgia, onde foi realizada uma competição para nomear o animal, no final o nome escolhido foi “Stuckie”, que foi feita uma placa com seu nome e que também explica como sua mumificação ocorreu.

A placa diz o seguinte:

“Houve um efeito de chaminé na árvore, que resultou em uma corrente ascendente de ar. Isso fez com que o cheiro do animal morto fosse levado, o que de outra forma atrairia insetos e outros organismos que se alimentam de animais mortos. A árvore oca também forneceu condições relativamente secas, e o ácido tânico do carvalho ajudou a endurecer a pele do animal. “

É impressionante ver como esse filhote foi mumificado e, ao mesmo tempo, sua expressão, apesar de mostrar fúria, é um pouco louca.

O que você acha disso?

RELACIONADOS:
COMENTÁRIOS
Carregando...

Send this to a friend