Connect with us

Este texto de adeus a uma cadela, vai te deixar com lágrima no olho…

Diversos

Este texto de adeus a uma cadela, vai te deixar com lágrima no olho…

A perda do nosso animal de estimação é uma grande dor. O “The Animal Rescue Site” permite que os donos possam partilhar as suas histórias sobre os companheiros de quatro patas, sejam elas boas ou menos boas.

Um utilizador do site, Kris de Prestonsburg, Kentucky, escreveu um texto sobre a morte da sua cadela, e ele tem se tornado viral!

Este texto de adeus a uma cadela, vai te deixar com lágrima no olho…

“Querida Jessie,

Quando te adotei pela primeira vez, eu sussurrei ‘Você tem de viver para sempre, ok?’. Ao longo dos anos, quando imaginava a vida sem ti, eu te dizia novamente ‘Você tem de viver para sempre, ok?’.

O meu corpo ainda quer lhe levar para um passeio. A trela ainda está pendurada na porta, à espera das palavras ‘quer ir à rua?’. Está a chover muito esta semana, e eu olho instintivamente para o relógio para ver se já é hora de te levar à rua.

Sempre que eu como bolachas ou batatas fritas, eu olho para ver onde você está, para lhe atirar algumas.

Era a cadela perfeita para mim. Tão quieta… tão calma. Nunca fez chichi nem roeu nada. Ladrava tão pouco que até se assustava a si própria quando o fazia.

Você esteve comigo nos bons e maus momentos. Nunca me julgou, nem quando eu pesava 90 quilos e suava ao som de músicas antigas. Estava sempre lá para abanar a cauda para mim.

Adorava como lhe podia confiar com qualquer criança. Quando envelheceu e ficou com pelos cinzentos na cara, alguns meninos na vizinhança começaram a lhe chamar Granny (avó).

Mesmo quando você já não podia mastigar a ração dura, não estava tão interessada nos seus brinquedos e tinha de ser passeada com mais frequência, eu te amei tanto.

Você confiou em mim até o fim. Você acreditou em mim quando eu lhe disse que não tinha de viver para sempre, e que não fazia mal se quisesse partir.

Eu senti a vida deixar o seu corpo, e levar um pedaço de mim com ela.

Eu te amo minha doce Jessie (…) 1998 – 2016″.

Compartilhe esta comovente história!

Click para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Diversos

TOP DA SEMANA

Recentes:

TOPO
x Close

Like Us On Facebook

Curta nossa pagina!!