23 Sinas que você achou a pessoa certa e está á vontade na relação!

O sonho de todo mundo é conhecer a pessoa certa. Não é verdade??

Aquela com quem nós não precisamos ser tão loucas em relação a cada detalhe do nosso cabelo ou roupa – já que o rapaz gosta da gente do jeitinho que somos – que aguenta as nossas manias chatas, ouve as nossas lamúrias, é o nosso melhor amigo e o principal de tudo: é o cara com quem podemos ser nós mesmas.

E não é bom estar em um relacionamento em que você se sente confortável e pode agir com honestidade? Mas você saberia dizer exatamente o que indica que uma pessoa finalmente encontrou o parceiro ideal?

Pois então, confira abaixo uma lista com os 23 sinais de que você está à vontade com seu relacionamento e veja se a sua relação se encaixa nesses pontos:

23 Sinas que você achou a pessoa certa e está á vontade na relação!

1. O bafinho matinal não incomoda tanto

Não existe uma pessoa neste mundo que ao acordar de manhã não exale um cheirinho meio desagradável na boca. É normal, mas quando tudo ainda está no início, como nos primeiros dias de casamento, algumas mulheres podem ficar incomodadas com o hálito do parceiro ou receosas de que ele se assuste com os delas.

Já quando a relação chega ao ponto em que nenhum dos dois se importa muito com isso e até se acostumaram com o cheirinho natural do parceiro, e nem se assustam mais, é sinal de que estão confortáveis um com o outro – inclusive nas questões não tão agradáveis assim.

2. Sem vergonha da flatulência

Se no começo o fato de um dois soltar uma flatulência poderia ser motivo de susto ou vergonha, com o tempo, uma ou outra sair sem querer nem é tão surpreendente assim. Até porque, assim como o bafinho matinal, ela também faz parte da natureza humana.

3. Você pode reclamar do jantar

Imagine a cena: seu namorado resolve fazer uma surpresa e diz que vai te preparar o jantar. Você então chega à casa dele toda arrumada, senta na mesa, mas depois de dar a primeira mordida na comida, percebe que o jantar está ruim demais. O que você faz? Coloca uma cara de paisagem e diz que está tudo uma delícia ou é sincera e com jeitinho fala a verdade, que o jantar está muito ruim e vocês deveriam pedir uma pizza?

Se a sua resposta for a segunda opção, então isso quer dizer que seu namoro atingiu o nível de conforto em que você pode ser honesta com o seu parceiro quando ele não manda tão bem assim, mesmo que tenha a melhor das intenções.

4. Vocês conversam até no banheiro

Quando um casal está à vontade um com o outro, a necessidade de ir ao banheiro não é motivo para interromperem uma conversa. Eles podem continuar o papo assim mesmo, enquanto um fala e o outro berra a resposta de dentro do banheiro. Os mais corajosos até chegam a ficar com a porta aberta e a entrar no local enquanto o parceiro utiliza o vaso. Mas aí já é um pouco de exagero e conforto até demais – além de não ser tão higiênico – o que pode diminuir a “magia” do relacionamento.

5. Você conta para ele sobre o programa que assiste, mas tem vergonha de assumir para as outras pessoas

Ao chegar ao ponto em que você não tem vergonha de contar até sobre os programas que você gosta de assistir, mas que todo mundo critica, como Big Brother Brasil, A Fazenda ou Malhação – mesmo tendo mais de 25 anos de idade – e que não teria coragem de assumir para as outras pessoas, parabéns! Você não apenas se sente confortável com o seu namorado, como também confia nele, mesmo sabendo que ele vá tirar uma onda com a sua cara de vez em quando, nos momentos em que estiverem apenas os dois.

6. Virar o parceiro para o outro lado quando ele ronca é permitido

Se vocês estão dormindo juntinhos, no maior romance, e de repente o seu amor começa a roncar, você não tem medo de dar um cutucão ou virar ele para o outro lado. Afinal, quem consegue dormir com um barulho desses no ouvido, não é mesmo?

7. Você pode opinar sobre o figurino dele

Outro ponto em que você pode ser franca é em relação ao figurino do rapaz. Uma combinação de camisa com bolinhas e calça xadrez não passa despercebida pelos seus olhos e você não pode deixar de dar um toque sobre a breguice do visual.

E o mais legal de tudo: por estarem confortáveis um com o outro, ele nem vai achar tão ruim assim. Mas também é preciso ter em mente que isso dará liberdade para que ele também comente sobre uma combinação de roupa sua que ele não ache tão bonita assim e você não poderá reclamar tanto – a não ser que seja uma opinião baseada em ciúmes bobo, quanto ao cumprimento da roupa, é claro.

8. A ideia de como passar um tempo juntos é diferente

Com o tempo, a concepção que vocês têm de “passar um tempo juntos” não se resume a ir a restaurantes chiques, ver um filme no cinema ou andar pelo parque. Claro que tudo isso é muito bacana, mas vocês dois também valorizam o tempo a sós, em casa, em que podem jogar videogame juntinhos ou jogar conversa fora abraçados.

9. Podem falar com e sobre os sogros sem receios

Se no começo do namoro o dia de conhecer os pais da pessoa amada traz certa ansiedade e é comum querer impressionar os sogros, conforme vocês vão se acostumando com a família um do outro e conhecendo melhor, já sabem identificar o jeitinho dos pais do parceiro e conseguem conversar sem medo sobre as coisas que incomodam neles, sem ofender, é claro, e também se sentem mais à vontade para conversar com os próprios sogros sobre determinado assunto.

10. Vocês dividem roupas

Seu namorado está sem meias limpas? Você não se importa em emprestar uma das suas para ele. Vai ficar o dia em casa e todas as camisetas fresquinhas estão para lavar? Ele não liga em deixar você usar uma das roupas dele.

11. Você se irrita quando te perguntam sobre os hábitos dele

Quando vocês visitam algum amigo ou parente juntos, você se irrita e faz aquela cara de “não acredito que você disse isso” quando alguém pergunta a você se ele gosta de café com muito ou pouco açúcar ou se come peixe, seja porque você acredita que depois de certo tempo de convívio eles deveriam saber isso ou que poderiam perguntar diretamente para ele, já que os dois não são a mesma pessoa.

Mas calma, a próxima vez que ficar brava por conta disso, lembre-se que outra pessoa perguntar sobre os hábitos dele a você é sinal de que vocês são vistos como um casal firme e que se conhecem bem.

12. Você aguenta os hábitos nojentos

Mesmo sabendo que o seu amor tem o costume nojentinho de cutucar o nariz, você não liga muito e mesmo assim não deixa de andar de mãos dadas com ele por aí.

13. Ele não liga para as músicas “vergonha alheia” da sua playlist

Mesmo que você seja uma mulher adulta que tem na playlist do seu celular músicas de One Direction, Demi Lovato ou Justin Bieber, ele não vai considerar isso um ponto negativo. Pelo contrário, achará algo que te deixa mais fofa ainda. O que não quer dizer que ele não vá tirar uma onda com você de vez em quando por conta disso.

14. Vocês podem ir desleixados para a cama

Como um bom velho casal, o fato de vocês irem para a cama com um pijama velho, uma roupa íntima furadinha ou sem estarem tão cheirosos não fará com que não role um clima e nem impedirá que vocês tenham um pouco de intimidade durante a noite.

15. Sem vergonha na hora de comer

Se nos primeiros encontros as pessoas tentam ao máximo cuidar do jeito que comem, para não fazerem bagunça e não parecerem um animal, quando você está à vontade com o parceiro isso já não é mais um problema. O frango está muito difícil de ser cortado? Problema nenhum em comê-lo com a mão! E caso você demore muito para agarrar a coxa, é bem possível que o seu amado sugira que você faça isso logo de uma vez.

16. Não conseguem dormir sozinhos

Quando dormem juntos, vocês reclamam que o outro é espaçoso, rouba o cobertor ou que ronca, mas é só terem que dormir longe da pessoa amada que acham a cama grande demais e custam a pegar no sono, por sentirem falta do parceiro.

17. Espremem as espinhas um do outro

O conforto no relacionamento chega a um ponto em que vocês consideram tudo bem pedir para o outro espremer aquela espinha chata que incomoda nas costas ou na testa.

18. Vocês têm apelidos secretos não tão delicados

Pode até ser que nos momentos mais românticos e na frente dos outros vocês se chamem de “amor”, “lindo/linda”, “meu bem” ou “bebê”, mas na intimidade de vez em quando também aparecem os nomes não tão delicados como “chato/chata” ou “gordo/gorda”, mesmo que não estejam brigando, como uma forma estranha de carinho.

19. Jantar fora parece desnecessário

O conforto chega a tal ponto que para ter um encontro não é preciso ir jantar fora no restaurante da moda. O sofá da sala ou a mesa da cozinha e a pizza ou a comida japonesa encomendadas já servem. Além disso, a roupa não é um grande problema, se a preguiça bater vale comer até de pijamas mesmo.

20. Já sabem como vai ser o sexo

Vocês já fizeram isso tantas vezes que já sabem até o tempo que o sexo durará e podem inclusive planejar o momento de intimidade, encaixando em uma hora do dia que não atrapalhará as outras atividades. Só é preciso tomar cuidado para que a relação não caia na rotina e o ato fique tão previsível que não tenha mais graça. Surpreender o marido com encontros inesperados é sempre uma boa tática para apimentar o relacionamento.

21. Vocês organizam os programas que vão assistir juntos

Vocês já conhecem as preferências um do outro a tal ponto que já podem separar e escolher os programas de televisão e filmes que agradam os dois para assistirem juntos.

22. Você se diverte com o seu parceiro

Você e o seu amor se divertem com as brincadeiras, conversas e piadas internas a tal ponto que de vez em quando você para e imagina o que outras pessoas diriam se vissem vocês nos momentos a sós, e não consegue conter as gargalhadas.

23. Vocês têm um compromisso de verdade

Mesmo havendo brigas, crises, desentendimentos e opiniões divergentes, no final das contas vocês sempre dão um jeito de resolver a situação e se sentem bem com o fato de que agora dividem a vida com outra pessoa e não querem mudar essa situação de jeito nenhum.

Você acredita que está com a pessoa certa, depois de ler todos esses sinais? O que ainda falta para você e seu parceiro? Comente abaixo!

Comentários