10 Coisas que acontecem no seu corpo depois de beber café

Beber café  independente da hora  é um dos rituais mais sagrados para a maioria dos brasileiros.
 

Esta bebida, de aroma e sabor inconfundíveis, traz mais disposição e energia para enfrentar o dia a dia, já que a cafeína tem poder estimulante, além de ser excelente para melhorar a concentração, a capacidade de aprendizado e a aptidão para a prática de atividades físicas.

A bebida também tem alto poder antioxidante que combate a oxidação das células, retardando o envelhecimento.

Entretanto, é importante tomar algumas precauções para que o cafezinho de todo dia não gere transtornos à sua saúde. A começar pela dose.

Beber café em quantidades exageradas pode gerar dependência, fato que já foi comprovado cientificamente.

Sabendo disso, é possível imaginar o que uma simples xícara de café pode fazer com o seu organismo. Por isso, confira abaixo 10 coisas que acontecem com o seu corpo depois de beber café.

10 Coisas que acontecem no seu corpo depois de beber café

1 – Acelera o ritmo cardíaco

Logo após a ingestão do café, a cafeína começa a agir no organismo. Seu poder estimulante age acelerando o ritmo cardíaco e aumentando a pressão sanguínea, o que faz com que você sinta um imediato aumento de disposição e energia para executar as atividades do dia a dia.

É esse efeito que faz com que tenhamos a sensação de que o café nos desperta e nos deixa alertas quando bate aquele sono após o almoço.

2 – Aumenta a concentração

Resolver problemas no trabalho ou se concentrar para fazer aquele relatório pode se tornar muito mais simples quando você bebe uma xícara de café.

A cafeína aumenta a concentração, pois age diretamente nos receptores de adenosina, que te deixam, naturalmente, mais alerta e menos cansada.

3 – Aumenta a serotonina

Pouco menos de uma hora após você beber uma xícara de café, sua serotonina tem o nível elevado.

A serotonina é um neurotransmissor fundamental para o desenvolvimento de funções vitais do corpo, além de regular o sono, a ansiedade e o humor.

O café, quando consumido sem exageros, ajuda a aumentar o nível desta substância química no cérebro, gerando grande sensação de bem-estar.

Após o primeiro contato com o organismo, a cafeína é distribuída a todos os tecidos do corpo, devido à sua alta capacidade de atravessar as nossas membranas.

4 – Beber café melhora a visão

Por aumentar a energia do corpo através de uma explosão de adrenalina, o café faz com que as pupilas dos nossos olhos se dilatem, deixando a visão muito mais limpa e capaz de identificar melhor detalhes de pessoas e objetos, melhorando também a capacidade de atenção.

5 – Combate os radicais livres

Devido à sua ação antioxidante, o café é um importante aliado no combate aos radicais livres. A bebida contém 2,5% de cafeína que é transformada em antioxidantes dentro do organismo.

Os ácidos clorogênicos e demais compostos do grupo dos polifenóis presentes na bebida também têm ação antioxidante, o que faz do café uma importante bebida funcional neutralizadora dos radicais livres que ajudam a retardar o envelhecimento das células, além de prevenir doenças cardiovasculares.

O café também possui ação antibacteriana, antiviral e anti-hipertensiva.

6 – Queima calorias

A liberação de energia causada pela cafeína também é grande aliada na perda de calorias e na queima de gordura.

Isso acontece porque, ao beber café, seu metabolismo fica mais acelerado, reduzindo o seu apetite e fazendo com que você ingira alimentos em menor quantidade.

A queima de calorias através do café fica mais eficiente quando ele é ingerido após as refeições.

7 – Fortalece os músculos

Pesquisas em ratos revelaram um crescimento muscular e fortalecimento dos músculos das pernas em decorrência da ingestão de café.

Quando fortalecidos, os músculos ficam mais resistentes a lesões, o que torna o café um importante suplemento alimentar para praticantes de atividades físicas.

8 – Efeito diurético

Mais de 6 horas após você beber uma xícara de café, ele ainda está agindo dentro do seu corpo. Nesse estágio, a bebida passa a ter efeito diurético, sendo eliminada através dos rins.

Entre os nutrientes eliminados pela ação do café estão vitaminas, microelementos, potássio e cálcio.

O consumo exagerado de café, aliás, pode fazer com que as taxas de cálcio reduzam-se drasticamente, deixando o organismo com deficiência de nutrientes fundamentais para a sustentação dos ossos.

A cafeína também pode ser eliminada através do leite materno, saliva, bile e sêmen.

9 – Aumenta a secreção gástrica

O café, ao final de sua jornada dentro do nosso corpo, provoca um considerável aumento na secreção gástrica e do refluxo gastroesofágico.

Por isso, beber café em jejum pode trazer inúmeros malefícios ao organismo, já que ao entrar em contato com o estômago vazio, a bebida faz o corpo produzir ácido clorídrico, que pode gerar gastrite e, em casos mais graves,
úlcera.

Beber café sem comer nada antes também pode fazer com que o seu estômago tenha dificuldades para digerir proteínas, trazendo, em decorrência, inchaços abdominais e irritações.

Entre outros malefícios encontram-se a ansiedade, taquicardia e tremores.

10 – Mais tempo de permanência em fumantes

A permanência do café na corrente sanguínea em pessoas que fumam chega a ser duas vezes maior do que em não fumantes, podendo chegar até a 10 horas, o que pode agravar casos de intoxicações causadas pelos efeitos da bebida.

Comentários